Todos os bebés desta mulher morrem depois de 1 mês. Não vais acreditar no motivo!

“Casa da esperança” é o nome pelo qual Cori Salchert, uma enfermeira reformada com 8 filhos, se costuma referir à sua casa, onde vive com o marido.

Cori é uma pessoa realmente incrível, pois apesar de já ter 8 filhos, isso não a impediu de começar a adotar bebés em estado terminal no ano de 2012.

large_today-salchert-inline-3-160114_21edefe2c001546b5c34ea8dc2b608b7-today-inline-large

“Os bebés são provenientes de famílias com dificuldades em criar uma criança doente por terem consciência que esta vai morrer”, explica Cori.

large_today-salchert-inline-4-160114_21edefe2c001546b5c34ea8dc2b608b7-today-inline-large

large_today-salchert-inline-2-160114_21edefe2c001546b5c34ea8dc2b608b7-today-inline-large

O primeiro bebé que Cori adotou teve todos os cuidados e amor durante 50 dias, e desde aí que esta sente ser essa a sua missão de vida.

Infelizmente, a maior parte dos bebés não ultrapassa um mês de vida, mas a possibilidade de lhes proporcionar um final de vida digno, calmo e repleto de carinho é extremamente gratificante para Cori.

O gesto desta mulher tem tido um grande impacto na sua família, de tal forma que os seus próprios filhos a ajudam a tratar das crianças, a quem dão beijos e abraços muito ternamente.

large_today-salchert-inline-8-160114_21edefe2c001546b5c34ea8dc2b608b7-today-inline-large

large_today-salchert-inline-10-160114_21edefe2c001546b5c34ea8dc2b608b7-today-inline-large

large_today-salchert-inline-7-160114_21edefe2c001546b5c34ea8dc2b608b7-today-inline-large

large_today-salchert-inline-6-160114_21edefe2c001546b5c34ea8dc2b608b7-today-inline-large

large_today-salchert-inline-5-160114_21edefe2c001546b5c34ea8dc2b608b7-today-inline-large

Gosto desta publicação -->
large_today-salchert-inline-1-160114_21edefe2c001546b5c34ea8dc2b608b7-today-inline-large

Cori é um verdadeiro exemplo de coragem e altruísmo, cuja solidariedade, compaixão e bondade tem vindo a emocionar muitas pessoas.

PARTILHA esta linda história!

O seu trabalho é levar os pacientes para os quartos. O que as câmaras captam está a tornar-se viral

Esta jovem mulher não podia engravidar. Então a sua irmã ligou às 10 horas da noite e disse: “vamos ter um bebé!”