O marido morreu há sete meses. Hoje a campainha toca e ela não acredita nos seus olhos

Quem viu o filme “P.S., I Love You”, pode encontrar algumas semelhanças entre o filme e a história de Shelly Golay.

No dia 12 de Fevereiro, um dia como qualquer outro, Shelly estava em casa quando lhe tocaram à campainha e lhe entregaram flores, com um cartão a acompanhá-las. No cartão dizia o seguinte: “Feliz Dia dos Namorados querida! Mantém-te forte! Teu para sempre, Jim”, e isso não seria estranho se o seu marido, Jim, não tivesse morrido cerca de 8 meses antes daquela surpresa.

A princípio, Shelly achou que se tratava de uma surpresa dos seus filhos para que ela nunca esquecesse o marido, mas após contactar a florista que lhe entregou as flores soube que tinha realmente sido Jim.

A verdade é que Jim, antes de morrer de um tumor cerebral aos 53 anos, contratou uma florista para que todos os dias dos namorados fossem entregar um ramo de flores a Shelly.

É um bom exemplo de uma pessoa que, mesmo depois de partir, continua na vida de todos e com uma presença bem viva no coração dos seus mais próximos.

Gosto desta publicação -->

Quando o bombeiro levanta o corpo da menina de 9 anos, ela já está morta. O que ele encontra debaixo do seu corpo faz chorar o mundo inteiro!

É um teatro normal, mas olha o que acontece com os bancos em apenas 2 minutos!