Nova esposa do seu ex vai ao primeiro dia de escola da filha – e ensina-nos uma grande lição

No geral, os divórcios são complicados e acabam por prejudicar os filhos, pois começam os conflitos de custódia e os problemas entre os ex-cônjuges relativamente aos novos parceiros um do outro.

Mas nem sempre tem de ser assim, como prova esta família. Hayley Booth separou-se do pai da sua filha, Maddie, que entretanto se voltou a casar com outra mulher.

A atual mulher do pai de Maddie vê a pequena como sua filha, e por isso ela e Hayley foram levá-la à escola no primeiro dia.

“Muitas vezes perguntam-me como é que o meu ex, a sua esposa, o meu marido e eu nos damos tão bem com a guarda conjunta. A minha resposta é sempre a mesma: nós amamos a nossa filha. É simples”, explica a mãe de Maddie.

Esta família percebe que nenhuma criança deve ser usada como moeda de troca ou posta no meio das divergências dos adultos.

“A minha filha chama a sua segunda mãe de “mãe”, porque é isso que ela é para ela, a sua mãe. Está sempre lá, cuida dela, brinca com ela, ensina-lhe lições de vida e como se deve comportar, dá-lhe abraços e beijos de boa noite, tudo o que uma mãe faria”, conta Hayley.

O testemunho de Hayley continua:

“Acima de tudo, ela ama a Maddie como se fosse a sua própria filha. É preciso ser uma mulher especial para receber um filho que ela não deu à luz sob as “as suas asas” e tornar-se mãe. Vejo muitas mulheres a dizer: “eu nunca deixaria o meu filho chamar outra mulher de mãe, porque ela não é a mãe, sou eu!”

Bem, sabe que mais? Então, você é egoísta. Se a mulher do seu ex ama o seu filho ou filhos como seus, e ajuda a criar e educa-los, porque é que você não permite que eles chamem essa mulher que amam de mãe? Porque é que você deve escolher pelo seu filho quem é que ele deve amar?

Gosto desta publicação -->

Eu nunca diria à minha filha que não pode chamá-la de mãe, porque isso me magoa profundamente. Ela é a sua mãe não só quando ela passa o tempo com seu pai, mas o tempo todo. Às vezes, basta colocar essas coisas de lado para que o seu filho se torne num ser humano maravilhoso.”

Uma família exemplar que mostra ser possível ter uma boa relação mesmo depois da separação.

PARTILHE!

Homem fiel não tem preço!

Desapareceram mais de 1,3 milhões do fundo de apoio às vítimas de Pedrógão