Uma menina com deficiência vendida a um gangue pela própria mãe é salva por um turista

Esta é a história de Anabelle, uma menina residente nas Filipinas, que foi vendida pela mãe a um gangue de vendedores de droga pois esta não tinha dinheiro para a criar.

Os membros do gangue fizeram a menina de 7 anos pedir dinheiro nas ruas de Bacolod, na Ilha Negros, nas Filipinas, aproveitando-se da sua doença genética rara.

Anabelle sofre de Síndrome de Crouzon, uma malformação do rosto e dos olhos globulares, e os vendedores de droga costumavam bater nela para que esta chorasse e as pessoas ficassem sensíveis, acabando por dar dinheiro.

Felizmente, um homem com bom coração foi a uma organização de ajuda a crianças filipinas, e conseguiu que Anabelle fizesse duas cirurgias importantes.

Uma das operações vai permitir à menina que feche totalmente as pálpebras, para que consiga dormir descansada, e a outra vai permitir ao seu cérebro ter mais espaço na caixa craniana para se continuar a desenvolver.

Desejamos o melhor para esta doce menina!

Esta Monstruosa Máquina é a Revolução Das Estradas

Ponte De Vidro Na China “Quebra” Para Desespero Dos Turistas