Ela colocou a sua filha dentro da sanita antes de morrer. O motivo é simplesmente devastador

Jessica Arrendale, uma jovem e maravilhosa mãe, vivia com as suas duas filhas. Quando Naomi completou os seus 15 anos, nasceu Cobie.

Cobie era filha do recente namorado de Jessica, Antoine, um veterano de guerra, que já tinha duas filhas provenientes de uma relação anterior. Segundo o que a mãe dessas duas crianças dizia, ele era um pai carinhoso, no entanto, haviam muitas feridas de guerra por fechar.

Com o passar do tempo, ele tornou-se cada vez mais agressivo, sem nunca mostrar qualquer sinal de violência, até que um dia se passou por completo. Ele andou pela casa atrás de Jessica, que tentava fugir dele com um bastão de basebol numa mão e a filha no outro. Porém, Antoine agarrou na sua arma.

e45ee7ce7e88149af8dd32b27f9512ce19 (1)

Consumida pelo medo, Jessica tentou esconder-se na casa de banho, mas aquele sitio não era seguro, e também lá estavam suscetíveis. Antoine conseguiu abrir a porta com apenas um pontapé, e mal entrou, deu um tiro na cabeça da sua namorada e fugiu.

7d0665438e81d8eceb98c1e31fca80c119

Naquele momento, apenas um pensamento mantinha Jessica viva: manter a sua filha em segurança. Então, com a réstia de forças que tinha, colocou o bebé na sanita, morrendo de seguida. Apenas alguns momentos se passaram e Antoine suicidou-se.

751d31dd6b56b26b29dac2c0e1839e3418

Os vizinhos, ao ouvir os tiros, chamaram a polícia, que rapidamente atendeu ao local com uma equipa de SWAT, a força de elite dos EUA.

faeac4e1eef307c2ab7b0a3821e6c66715

Como não sabiam que Antoine já estava morto, demoraram a invadir a casa. Ao entrar, encontraram Jessica e Antoine mortos, mas sem sinais da bebé.

d72d187df41e10ea7d9fcdc7f590920513

Apenas 13 horas depois de a casa ser invadida é que eles conseguiram encontrá-la. Estava em hipotermia, mas ainda viva, graças ao ato de heroísmo realizado por Jessica.

fad6f4e614a212e80c67249a666d2b0913

Os pais de Jessica ofereceram-se para adotar Naomi e Cobie, que assim puderam viver uma infância feliz e segura. Nunca esquecerão a mãe e sempre a manterão no coração, mesmo tendo passado pouco tempo com ela.

É triste ficar a saber que os casos de violência doméstica continuam a acontecer e com tamanha frequência. Está na hora de mudar isso e começar a lutar pelos nossos direitos. Se tens alguém com este problema, mostra-lhe este texto, pode ser que lhe abras os olhos de uma vez.

Gosto desta publicação -->


PARTILHA com os teus restantes amigos também, quem sabe eles não terão alguém que possam ajudar com esta história dramática.

Pausas no trabalho para fumar, conversar, comer e beber café aumentam produtividade

Ela Tinha Ganho A Lotaria Quando Viu Um Mendigo A Tremer De Frio. O Que Ela Fez A Seguir? Não Consigo Acreditar…