in ,

Cão resgatado está numa consulta quando a sua reação inesperada às mãos do veterinário deixa os donos boquiabertos

Uma doce cadelinha sénior de raça Boxer sentou-se abandonada no canil do Carolina Boxer Rescue, que serve as Carolinas e parte da Virgínia. Ela estava absolutamente adorável nas fotografias, em que se podia ler “disponível para adoção”, por isso foi surpreendente para Jane e Tom Cannone que ninguém a tivesse levado ainda.

O casal da Virginia perguntou por ela, chocado por ela ter permanecido no abrigo, dia após dia. Mas então, eles descobriram que era provavelmente por ser surda. Apesar disso, algo os atraiu para ela, então eles decidiram adotá-la.

Eles fizeram a viagem de Norfolk para Charleston, Carolina do Sul, para dar à “velhota” uma segunda oportunidade de ter uma família para sempre. Os seus antigos donos provavelmente eram muito carinhosos, pois a Boxer, chamada Boombox, era incrivelmente bem comportada.

Os Cannones ficaram entusiasmados porque a Boombox rapidamente se apegou a eles. Ela era muito leal, amorosa e calma, não latia muito, e adaptou-se muito bem à nova família e à sua casa.

Então, um dia, durante uma visita ao veterinário, o casal aprendeu algo novo sobre o animal de estimação de resgate.

Depois de descobrir que Boombox era surda, o veterinário Layne Brett decidiu fazer uma experiência. Ele fez um movimento de mão para baixo, que significa “senta” na linguagem de sinais dos cães, e Boombox sentou-se imediatamente!

Existe um sistema formal de linguagem de sinais desenvolvido por treinadores de cães para usar em cães polícias e cães surdos, explicou o Dr. Brett, e Boombox conhecia alguns desses comandos.

“Quando nós levantamos um dedo e o movemos para ela, ela sabe que é hora de caminhar”, conta Jane.

O casal ficou surpreendido que a sua adorada cadelinha conhecesse linguagem de sinais, mas ficou emocionado ao saber que assim poderiam comunicar com ela. Jane disse que planeia pesquisar outros sinais de linguagem de sinais de cães e ver se Boombox responde.

Eles repararam que ela observa os seus seres humanos de perto, confia mais no seu sentido de visão e cheiro, e não gosta de ficar sozinha ou em lugares escuros. As pessoas ficam maravilhadas com o quão bem comportada ela é quando a família sai para passear, segundo Tom.

“Os outros cães no bairro ladram, e as pessoas perguntam como mantenho a Boombox quieta. Eu apenas lhes digo que ela obedece”, diz Tom.

Jane disse que, mesmo com a sua surdez e fora a capacidade recém-descoberta de compreender a linguagem de sinais, há “algo especial” na sua cadela. Boombox pode ser abençoada por ter um novo lar, mas os Cannones sabem como são afortunados por a terem.

“Ela é tão doce e eu não mudaria esta experiência por nada”, diz Jane. Esta Boxer toda branca tem apenas um punhado de manchas pretas à volta do nariz e é a coisa mais querida.

Estamos tão felizes por ela ter agora uns pais que a amam e se dedicam a comunicar com ela de uma forma tão especial. PARTILHE!

As pessoas dizem que conseguem ver Deus a caminhar entre as nuvens neste vídeo de uma tempestade

Orangotango observa pequeno bebé pela janela de vidro e deixa pais maravilhados com a sua reação