in

Quem tem um cão na sua vida tem um tesouro

Se tem ou já teve cães, certamente sabe como estes animais conseguem alegrar os nossos dias, e vai rever-se no lindo texto que lhe trazemos:

“Quem tem um cão na sua vida tem uma fortuna. Esta é uma declaração em que poucos se vão surpreender. Mas é especialmente para aqueles que desfrutaram da companhia de um anjo de quatro patas. E que testemunharam a magia desses seres maravilhosos.

Nós recebemos um amor intenso e único deles, e eles tornam-se a nossa família. Eternas crianças, com uma sabedoria e inteligência emocional tremendas. Portanto, acabam por ser os melhores conhecedores dos nossos costumes, sentimentos e pensamentos. Os melhores conhecedores e os maiores merecedores dos nossos sorrisos.

Com apenas um olhar, eles decifram o nosso estado emocional, acompanham-nos, divertem-nos e fazem-nos sentir especiais, únicos e essenciais. Assim, com as suas leis particulares de propriedade (eles têm o direito de tudo), e os seus lindos olhos suplicantes, obtêm de nós até o que jurámos nunca permitir (por exemplo, dormir na nossa cama).

Existem certas regras que são inquestionáveis, quando se mora com um cão. Sem nos apercebermos, os nossos animais educam-nos. Não podemos deixar de sorrir quando pensamos nas regras deles, os ditadores carinhosos da casa.

Vamos ver:

Regra #1: Deves dar-me a provar tudo o que comes.

Regra #2: Não comeces a brincar comigo só para me pôr na banheira depois. Eu mereço brincar a sério (e não tomar banho)!

Regra #3: Já não vais mais sozinho à casa de banho para fazer as necessidades.

Regra #4: Não digas para me calar quando eu começar a ladrar, eu tenho as minhas razões. Algo está a acontecer lá fora!

Regra #5: Vou dormir em qualquer lugar da casa, de preferência onde ficar no teu caminho.

Regra #6: Não podes entrar em casa a cheirar a outros cães e pensar que não haverá consequências.

Regra #7: Deixa-me sair sempre que eu pedir, mesmo se tiver acabado de entrar. Eu preciso de ter a certeza que cheirei tudo corretamente.

Regra #8: Tens permissão para dormir na cama, mas não precisas de te mexer. É melhor colocares-te num canto e não me incomodares.

Regra #9: Se cair no chão, é meu!!!

Regra #10: Não penses em sair de um quarto sem mim.

Seja um cão, gato ou coelho, partilhar a nossa vida com um animal é uma bênção, porque nos ensina a respeitar, amar e estruturar a vida de uma maneira diferente. Há muitas pessoas que pensam que ter um animal é limitador, porque, por exemplo, não se pode ir a qualquer lugar com eles de férias.

Mas quem tem um cão ou qualquer outro animal sente-o como parte da sua família e os sentimentos compensam todos esses “pequenos inconvenientes”. É verdade que, se não dividíssemos a vida com eles, a nossa casa estaria mais organizada e podíamos ir de férias mais facilmente. Mas o nosso coração ficaria mais vazio.

O que eles dão emocionalmente e fisicamente é de uma riqueza que não pode ser compensada, nem com todo o dinheiro do mundo. Por isso, aprender o que é ter um animal, amá-lo e poder completar a família com a sua presença é uma oportunidade que todos devemos ter nas nossas vidas.

Os amantes de animais sabem que cuidar e amá-los é uma responsabilidade que não pode ser ignorada, e exige consciência e respeito.

A nossa maior riqueza, quando desfrutamos da sua companhia, é a emocional. É incomparável e faz-nos felizes. Essa é a nossa maior fortuna.”

PARTILHE!

A incrível transformação de um jovem obcecado por tatuagens

Homem coloca o seu carro à venda para salvar a vida do seu cão