Irmão separado da irmã recebe mensagem passados 18 anos a dizer “acho que sou tua irmã”

Shawney e Luke eram irmãos que infelizmente cresceram em lares adotivos separados no Novo México. Nos primeiros anos de vida, os seus cuidadores certificaram-se de que o irmão e a irmã passavam tempo juntos. Um dos seus lugares favoritos para visitar como irmãos era um centro botânico local, uma memória que ambos recordam em jovens adultos.

Infelizmente, a mãe adotiva de Luke decidiu que não poderia adotar também a sua irmã, e os irmãos foram separados.

Shawney acabou por ser adotada por outro casal e mudou-se, por isso os dois irmãos cresceram a milhares de quilómetros de distância, sem contacto. Shawney tornou-se irmã mais velha dos filhos biológicos dos seus pais, e Luke dedicou-se a desportos e outras atividades. Mas eles nunca pararam de pensar um no outro, no irmão que tinham perdido há muito tempo. Quando se tornou adulto, Luke decidiu começar a tarefa árdua e emocional de procurar pela sua irmã.

Munido apenas do seu primeiro nome, Luke iniciou a procura através das redes sociais para. Agora pai, Luke mora em Baltimore, mas uma jovem chamada Shawney correspondia à descrição da sua irmã. Ela morava em Las Vegas. Seria ela? Depois de trocar mensagens pelo Facebook, a perguntar milhões de perguntas e a partilhar fotografias, Luke finalmente teve a sua resposta. Na verdade, era ela.

Porque a distância ainda os separava, não foi até que uma grande oportunidade se apresentou que os dois puderam finalmente encontrar-se pessoalmente depois de mais de duas décadas separados.

Assista ao seu reencontro emocionante no vídeo abaixo e PARTILHE!

O fogo na Vidigueira…

Psicóloga revela a regra dos três minutos que todos os pais e avós deveriam seguir