in

As novas casas de banho transparentes de Tokyo são a mais recente atração

A experiência de usar casas de banho públicas só pode ser descrita de duas maneiras: agradável ou um pesadelo. As pessoas têm sorte se encontrarem uma limpa, mas na maioria das vezes deparam-se com casas de banho sujas e com maus odores, especialmente em locais muito frequentados.

A Fundação Nippon, instituição de caridade sem fins lucrativos focada em inovação social, foi a fundadora do Tokyo Toilet Project. Juntamente com Tadao Ando e Toyo Ito, o projeto visa construir 17 novos banheiros públicos ao redor de Shibuya, o centro da cidade conhecido pela sua movimentada passagem de pedestres.. A fundação irá cooperar com o governo da cidade de Shibuya e a Associação de Turismo da Cidade de Shibuya para manter a beleza e a limpeza desses banheiros transparentes.

As casas de banho públicas têm uma má reputação mesmo no Japão, ainda que tenham um padrão de higiene muito mais elevado que o resto do mundo.

“O uso de casas de banho públicas no Japão é limitado por causa dos estereótipos de que são escuros, sujos e assustadores. As novas estão a ser projetadas por 16 criadores líderes e vão ter um design avançado para torná-los acessíveis a todos, independentemente do sexo, idade ou deficiência, para demonstrar as possibilidades de uma sociedade inclusiva”, explicou Nippon.

Até agora, o projeto mais curioso vem de Shigeru Ban Architects, que teve a ideia de instalar casas de banho transparentes – dois novos conjuntos de casas de banho transparentes estão agora prontas a ser usadas no Yoyogi Fukamachi Mini Park e no Haru-no-Ogawa Community Park.

Cada unidade possui três cubículos cercados por paredes de vidro colorido em amarelo, rosa, roxo, ciano, verde limão e azul. Usar um vaso sanitário transparente pode parecer uma má ideia, mas esta instalação em particular foi inteligentemente projetada.

“Há duas coisas com que nos preocupamos ao entrar numa casa de banho pública: a primeira é a limpeza, e a segunda é se está alguém lá dentro”, diz o site do Tokyo Toilet Project.

Então, os arquitetos usaram paredes de vidro para fornecer uma visão completa da casa de banho do lado de fora, mas quando um utilizador entra e tranca a porta, as paredes tornam-se opacas para dar privacidade.

“Isto permite que os utilizadores verifiquem a limpeza e se alguém está lá dentro. À noite, a instalação ilumina o parque como uma bela lanterna”, lê-se ainda no site.

Recentemente, a CNN Travel visitou o Parque Comunitário Haru-no-Ogawa para tentar usar o a casa de banho pública transparente, e garantem que estava impressionantemente limpo. As paredes entre os compartimentos possuem espelhos, o que pode dar a sensação de estar exposto, e por isso os utilizadores devem lembrar-se de proteger a fechadura da porta, que está localizada logo abaixo da maçaneta. Ambas as instalações do parque incluem casa de banho feminina, masculina e multiuso.

As restantes casas de banho serão abertas entre 31 de agosto e o verão de 2021.

E você, utilizaria uma casa de banho transparente?

Jovem com síndrome de Down é convidado pelo irmão para ser padrinho de casamento – veja a sua reação adorável

15 “antes e depois” de algumas maquilhagens que deixaram as protagonistas quase irreconhecíveis