in

Mulheres mandam as tintas fora e assumem os cabelos brancos naturais num belo movimento de empoderamento

Hoje, queremos refletir um pouco sobre a verdadeira beleza, e o quão realmente importante é estar sempre arranjado.

Por isso, convidamo-lo a ler o seguinte texto encorajador:

“Embora alguns prefiram negar, é um facto que as pessoas se importam demasiado com a aparência. Apesar de ambos os géneros seguirem rotinas de beleza com o objetivo de melhorar o visual, já está na altura de as mulheres se libertarem de tantas preocupações com a imagem, especialmente porque, em geral, os mesmos padrões rígidos não se aplicam aos homens.

Seja fazer as unhas, afinar as sobrancelhas, usar maquilhagem todos os dias ou manter o cabelo pintado, as mulheres, em particular, passam muito tempo, energia e dinheiro a cuidar da beleza exterior.

Apesar de há muito tempo se pregar que a beleza interior é o que conta, as pessoas ainda se importam muito com o visual. Desde cedo, colocam na cabeça das mulheres que elas têm o dever de cuidar da aparência para permanecerem femininas e atraentes aos olhos dos outros. Mas e se começássemos a desafiar esse padrão?

Normalmente, um dos aspetos da aparência que mais preocupam as mulheres diz respeito à qualidade e cor do cabelo. Seja qual for a semana do mês, é bem provável que as encontremos a retocar as raízes, comprar produtos para hidratar, entre outras coisas.

Muitas mulheres dedicam uma grande parte do seu orçamento à manutenção do cabelo, apenas para melhorar a aparência. Para além de ser demasiado caro, cuidar do cabelo para que os outros gostem delas é um desperdício. Claro que o devem fazer se for por elas próprias, mas infelizmente ainda há muitas que o fazem por falta de autoestima e necessidade de aprovação alheia.

Mas e se as mulheres não precisassem de gastar tanto dinheiro ou tempo para ficarem maravilhosas?

Nos últimos anos, houve uma onda de mulheres que escolheram abraçar o seu lado mais natural. Algumas pararam de se depilar, várias deixaram de arranjar as sobrancelhas e muitas optaram por sair de casa cara limpa, em nome da libertação. É como se esse movimento natural tivesse chegado na hora certa, exatamente quando outras mulheres decidiram submeter-se a cirurgias caras e arriscadas para ter rostos e corpos perfeitos.

Entretanto, cada vez mais mulheres resolveram livrar-se de um produto químico e tóxico específico: a tinta de cabelo!

Ao invés de se afligirem com os cabelos brancos que teimam em aparecer, decidiram assumi-los. Na opinião delas, é hora de a sociedade mudar a sua visão sobre os cabelos grisalhos.

Os cabelos grisalhos são algo natural, bonito e libertador. Se você deseja dar o primeiro passo na sua jornada rumo ao amor próprio, assumir os seus cabelos brancos pode ser um ótimo começo.”

O que acha desta tendência?

PARTILHE!

Golfinho bebé em vias de extinção após turistas o arrancarem do oceano parar tirar selfies

Já não conseguimos amar as pessoas, usamo-las como objetos: bem-vindo à era do “consumismo relacional”